PSQ Portas e Janelas de Correr de Alumínio
voltar

4º Relatório Setorial de empresas qualificadas no PSQ já está disponível

4º Relatório Setorial de empresas qualificadas no PSQ já está disponível

Já está no ar no site do Ministério das Cidades o Relatório Setorial – Portas e Janelas de Correr de Alumínio 004. O documento mostra as empresas qualificadas pelo Programa Setorial de Qualidade de Portas e Janelas de Correr em Alumínio, tanto no quesito sistemas próprios, quanto as 14 empresas multissistemas (atreladas) que participam do projeto, ou seja, aquelas que são avaliadas obra a obra, uma vez que suas esquadrias sejam produzidas por sistemas homologadas pelo PSQ.

A lista de empresas que fazem parte do PSQ é um instrumento essencial para que as construtoras, a indústria, o varejo e o consumidor conheçam quem produz dentro de norma e que, portanto, aqueles que têm compromisso com a qualidade e segurança de seus produtos.

O programa vem ganhando corpo e se mantendo como referência no mercado. Os relatórios trimestrais trazem novidades a cada publicação. “O PSQ é um programa contínuo, que vem ganhando força e representatividade entre os agentes de nosso setor. Estamos em uma fase importante de maturação, uma vez que completamos já um ano da avaliação das primeiras amostras”, explica Alberto Cordeiro, presidente da AFEAL.

Os produtos avaliados pelo PSQ são as janelas de correr em alumínio com duas folhas de vidro, as janelas de correr com três folhas com veneziana e as janelas de correr com duas folhas de vidro e persiana integrada, as três tipologias com dimensões máximas equivalentes a 1,2 m x 1,5 m. As esquadrias de correr correspondem a 58% do mercado organizado de esquadrias.

Entre os testes aplicados, estão o de estanqueidade à água, resistência a cargas distribuías, verificação da resistência ao esforço horizontal, verificação de resistência à flexão da esquadria, comportamento sob ações repetidas de abertura e fechamento, índice de redução sonora ponderado. São também avaliados a anodização, pintura, roldanas, fechos, parafusos, gaxetas e escovas.

“Nosso programa setorial está a todo vapor, uma vez que, de maneira inteligente, integra toda a nossa cadeia produtiva e organiza o setor em torno da qualidade”, explica Antônio Antunes, vice-presidente de Programas de Qualidade da AFEAL. “A extrusora, o sistemista, o fabricante de esquadrias, o fabricante de componentes: estamos todos trabalhando em uma única direção. Assim temos um programa dinâmico, que avalia o produto de maneira integral, envolvendo cada um dos agentes que participam do processo”, finaliza.

PARA ACESSAR O RELATÓRIO, CLIQUE AQUI. 

Posts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Testemunhal ANAMACO
Next post Testemunhal ANAMACO
Comentários desativados em Testemunhal ABAL

A Anamaco apoia integralmente os programas setoriais da qualidade e considera de extrema relevância a…